terça-feira, 7 de julho de 2009


Como faísca no papel que logo se queima por completo,assim é esse sentimento estranho e ousado, que vem sem pedir licença
e escancara o peito para um infinito de possibilidades e ações que antes pareciam ridículas...
É nesse momento que o estágio avança e se quer encaixar o nome da pessoa em conversas ou ver no rosto dos outros a figura do alguém amado...
Que ridículo!...
A TV é ligada,como sempre,nada! Tenta-se ler...mas como? As letras formam outra palavra...o nome de quem se ama.
Um rosto a perseguir a mente..."Droga! Sai daí!"...
Mas no fundo, se quer pensar, sentir o perfume no ar, tomar coragem e depois se arrepender de ter errado tudo...ou então sentir queimar o peito sob a mínima possibilidade de um olhar...
É tão patético...
Mas como é possível sentir-se triste e feliz ao mesmo tempo? Amar e odiar alguém com a mesma intensidade?
Teria esse sentimento movido Romeu e Julieta a matarem-se,Giuseppe e Anita Garibaldi a unirem-se a favor de um ideal, Shah Jahan a mandar construir o Taj Mahal para sua amada esposa que morrera?...Teria movido Olga Benário e Carlos Prestes, Marco Antônio e Cleópatra,Shrek e Fiona??
Eu, hein...
Só o amor (ou a paixão?) mesmo para nos encher de sentimentos antagônicos e ainda assim nos deixar "felizes"...
De tal forma que o desejo oculto no peito seja que a chama que o alimenta torne-se infinita enquanto durar...


8 comentários:

Danii disse...

Nada como o amor pra nos fazer ficar tão confusos...
rsrsr.
É tanto sentimento que...prefiro ñ comentar. rs:)

Belas palavras.
Tudo de bom!!!!
:* bj

Nine disse...

O amor e seu poder de argumentação...
Não adianta questionar não éh verdade??? Ele sempre vence, e nos deixa derretidos...
Então, que venha felicidade repentina...Não é isso que queres amor??Enxarcar o peito com sua poesia, com seu conjunto de ritmos e tons...venha amolecer as causas, inundar os sorrisos, enfeitar as palavras...
Que venha...
Beijo amiga linda...morrendo de saudade de vc!!!
;)
apareceeeeeeee.....

S. Mupsi disse...

Pois é.. Daí que não concordo com a frase: "Amor é dor que ão se sente."
Na verdade dói até demais. E nos deixa louca, realmete.

Olha, está demais o texto! ^^ Perfeito.

Grande abraço.

Beta Profice disse...

Nossa...Adorei!
Obrigada pela visita, volte sempre!
beijo*

Dark and Light disse...

O amor é uma coisa louca, cada um sente coisas diferentes, é uma confusão de sentimentos, é uma procua sem fim do alguem amado.
Muito bom seu texto, cada vez gosto mais de conferir as coisas por aqui.
Abração

L. disse...

Não sei se o amor nos deixa tristes...
Gostei muito do blog, muito chique ;]

~~* Lila *~~ disse...

Oo...
Lindo lindooo...
obrigada pela visita no meu bloguinhuu... volte kuando kiser
bjuuus

Kelvin ;x disse...

ameeei seu post ;x
e goostei bastante do blog :D
Parabéns.
Amor é um sentimento tão confuso e ao mesmo tempo tão lindo né ;x
*--*
Beeijo ;*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...